Polo da UNIVESP, em Charqueada, segue com inscrições abertas até 5 de janeiro

Há vagas para os cursos à distância de engenharia de produção e engenharia de computação, ambos gratuitos. As provas acontecem no dia 21 de janeiro

Publicado em: 21 de dezembro de 2017

A UNIVESP (Universidade Virtual do Estado de São Paulo), em parceria com a Prefeitura de Charqueada, segue com as inscrições abertas até dia 5 de janeiro para o vestibular dos cursos gratuitos de engenharia de produção e engenharia de computação, oferecidos no polo do município.

 

Para se inscrever o candidato deve acessar o site www.vunesp.com.br/uvsp1703. A taxa de inscrição é R$ 47,88 e as provas acontecem no dia 21 de janeiro. No início serão destinadas 50 vagas para cada curso à distância oferecido em Charqueada; haverá também aulas presenciais a cada 15 dias.

 

Mais informações podem ser acessadas pelo site www.univesp.br/vestibular, ou no edital do vestibular.

 

A UNIVESP é considerada a quarta universidade estadual paulista e mantém parcerias com a USP (Universidade de São Paulo), Unesp (Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"), Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e o Centro Paula Souza para o desenvolvimento do conteúdo e coordenação dos cursos.

 

Sobre as profissões

 

Engenharia de produção (5 anos) - Forma o profissional capaz de observar os processos organizacionais com visão sistêmica e integrada, de analisar e de propor soluções para questões complexas, reunindo competências que integrem formação tecnológica em engenharia de produção, com a formação humanística, além da necessária instrumentação numérica, quantitativa e computacional, mas sempre observando o desenvolvimento sustentável das organizações.

 

Engenharia de computação (5 anos) - Forma o profissional para atuar na área, realizando, entre outras atividades: análise, planejamento e desenvolvimento de sistemas computacionais centralizados e distribuídos, sistemas embarcados, desenvolvimento e uso de tecnologias de comunicação, engenharia da informação, sistemas multimídia e hipermídia, redes de computadores, bem como gestão de sistemas industriais e comerciais e de empresas de computação. Com essa abrangente formação o profissional pode especificar, projetar, implementar, integrar, testar e manter sistemas de hardware e software e, assim, trabalhar no desenvolvimento de produtos, aplicações e serviços em qualquer área da informática e da tecnologia da informação, atendendo a demanda de indústrias, empresas, grupos financeiros, centros de pesquisa e desenvolvimento, universidades, estabelecimentos de ensino e do setor de serviços públicos.


Publicado por: Alinne Schmidt

Cadastre-se e receba notícias em seu email