Professor Rogerinho e Jaime Fava questionam Prefeitura sobre implantação da Atividade Delegada no município

Câmara aprovou projeto de lei, no ano passado, que autoriza a celebração do convênio; ação permite que policiais militares em dias de folga auxiliem na segurança dos municípios conveniados

Publicado em: 15 de março de 2019

Por meio do requerimento nº 11/19, apresentado na terça-feira (12), durante a 5ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Charqueada, os vereadores Rogério Batista (PPS) – Professor Rogerinho e Jaime Fava (PSD) questionam a Prefeitura sobre a efetiva implantação do programa Atividade Delegada na cidade. O Legislativo charqueadense aprovou o projeto de lei nº 04/18, no ano passado, que autoriza a celebração do convênio em questão.

 

A Atividade Delegada trata-se de uma ação firmada entre as prefeituras e a Polícia Militar do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria Estadual de Segurança Pública, que permite a atuação de policiais militares nos dias de folga, auxiliando na fiscalização e segurança dos municípios conveniados.

 

“São inúmeros os relatos de sucesso deste projeto em vários municípios do Estado de São Paulo, sendo que esta Casa já aprovou lei de iniciativa do Executivo que autoriza a celebração do convênio e o consequente início das atividades”, destacaram os vereadores na propositura encaminhada à Administração Municipal.

 

Dessa forma Professor Rogerinho e Jaime Fava pedem no requerimento que a Prefeitura informe como está o andamento do projeto de Atividade Delegada no município de Charqueada; se já foi firmado o convênio em parceria com a Polícia Militar e quando será o efetivo início dos trabalhos em prol da segurança da população, além de outras informações oportunas.


Publicado por: Alinne Schmidt

Cadastre-se e receba notícias em seu email