Ricardo Izar atende pedido de Professor Rogerinho

Deputado federal apresenta projeto de lei, na Câmara dos Deputados, que visa incluir todos os profissionais de escolas públicas e privadas entre os grupos prioritários nas Campanhas Nacionais de Vacinação contra a gripe

Publicado em: 22 de março de 2019

Recentemente, o deputado federal Ricardo Izar (PP) apresentou o projeto de lei nº 1210/2019, na Câmara dos Deputados, que modifica a Lei nº 6.259, de 30 de outubro de 1975, com o objetivo de incluir todos os profissionais que trabalham em escolas públicas e privadas entre os grupos prioritários nas Campanhas Nacionais de Vacinação contra a gripe. A demanda em questão estava sendo pleiteada desde o ano passado pelo vereador Rogério Batista (PPS) – Professor Rogerinho, que, inclusive, apresentou a referida proposta ao gabinete do deputado.

 

Atualmente, os grupos prioritários da campanha limitam-se a pessoas a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores de saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade – o que inclui adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas - e os funcionários do sistema prisional, pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e também pessoas com outras condições clínicas especiais.

 

De acordo com Professor Rogerinho o PL em pauta ainda passará pelas comissões competentes para análise; posteriormente, deverá ser discutido em plenário.

 

“Gostaria de agradecer à iniciativa do deputado. Afinal, todos os profissionais engajados na área da Educação, no dia a dia de suas atividades, estão em contato com um grande número de crianças e encontram-se em áreas com grande circulação de pessoas, motivo pelo qual devem ser incluídos nesse rol de vacinação, até como ação preventiva”, ressaltou o vereador.


Publicado por: Alinne Schmidt

Cadastre-se e receba notícias em seu email