Siri pede ao Executivo mais atenção frente às demandas da sede do CAPS

Vereador ocupou a tribuna livre, na 6ª Sessão Ordinária, e cobrou melhorias para o prédio do Centro de Atenção Psicossocial de Charqueada

Publicado em: 28 de março de 2019

Visando ao bem-estar dos trabalhadores e munícipes que frequentam o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), o vereador Alcindo Viana (PSB) – o Siri, na 6ª Sessão Ordinária, cobrou do prefeito municipal, Romeu Verdi (PSDB), mais atenção diante das necessidades da sede. O parlamentar abordou o tema na tribuna livre.

 

Siri visitou na terça-feira (26) o espaço e constatou in loco as melhorias que precisam ser realizadas de forma imediata. “A reforma já faz tempo que estava para sair e até agora nada. A gente vai lá e fica triste com o que as pessoas nos contam. Ficaram, por exemplo, mais de 30 dias sem bebedouro de água”, comentou o parlamentar, que já havia solicitado a instalação do aparelho.

 

“Eu queria pedir ao prefeito para ir até lá, visitar o pessoal e também notar o calor lá dentro. Se não dá para fazer tudo faz pelo menos o básico. De manhã os passarinhos entram e deixam as mesas e chão sujos, e não fica tão caro para fazer a cobertura, é simples. E também colocar um ar-condicionado porque hoje, por exemplo, fui às 14h no local e não tem como ficar, parece uma sauna. Então eu quero pedir ao prefeito, à Valkiria Callovi (secretária de Governo), à Wal Cassarotti (secretária de Saúde) para irem até lá constatarem as dificuldades que o pessoal enfrenta”, destacou o vereador.

 

REFORMA DO CAPS - Sobre a questão da reforma do prédio do CAPS o vereador Rogério Batista (PPS) – Professor Rogerinho informou durante o discurso de Siri que há uma emenda em andamento do deputado estadual Roberto Morais (PPS), no valor de R$ 150 mil, destinada para reparos da sede.

 

“Fico contente com isso, porque se não vai passar nosso mandato inteiro e nada foi feito (no CAPS). Isso tem que ser cobrado. Quando tem que bater palma a gente bate, mas quando tem que cobrar a gente cobra sim, porque ficamos tristes de ver as pessoas trabalhando naquele ambiente”, pontuou Siri.


Publicado por: Alinne Schmidt

Cadastre-se e receba notícias em seu email